Esclareça suas dúvidas sobre o Coronavírus e as medidas adotadas pela Educação

A partir de segunda-feira (16) até a sexta-feira (20) as escolas continuarão funcionando normalmente

Quais medidas emergenciais foram tomadas para prevenir o contágio do Covid-19 no âmbito da Secretaria de Estado da Educação?
Medidas temporárias e emergenciais de prevenção de contágio pelo Covid-19  foram adotadas pelo Governo do Estado de São Paulo e publicadas no decreto nº 64.862, de 13 de março de 2020, no Diário Oficial do Estado. Considerando a existência de pandemia do novo coronavírus e as orientações do Ministério da Saúde e da Secretaria de Estado da Saúde, a Secretaria da Educação suspende gradualmente as aulas nas escolas da rede estadual de ensino, inclusive nas unidades do Centro Paula Souza, no período de 16 a 20 de março de 2020.  A partir do dia 23 de março, as aulas estão suspensas por tempo indeterminado.

Em que se baseia a suspensão das aulas nas escolas da rede estadual de ensino?
A decisão de suspender as aulas baseia-se na necessidade de evitar aglomerações e reduzir o volume do transporte público para prevenir a disseminação do novo coronavírus e assim, evitar a sobrecarga dos sistemas de saúde.

Haverá aula nas escolas de 16 a 20 de março?
Sim. A partir de segunda-feira (16) até a sexta-feira (20) as escolas continuarão funcionando normalmente – com todos os diretores, professores e funcionários –, com atividades de orientação para alunos e responsáveis que desejarem participar. A merenda será servida normalmente e o transporte escolar será mantido. Serão desenvolvidas atividades escolares para os alunos que comparecerem às escolas. Durante o período de suspensão gradual (de 16 a 20 de março) não será computada a falta do aluno.

Por que a suspensão será gradual?
A suspensão é gradual para que as famílias possam se organizar até a suspensão total das aulas, que ocorrerá a partir de 23 de março, por tempo indeterminado. A Secretaria de Estado da Saúde alerta para que os estudantes não sejam deixados com pessoas idosas.

Por que não é indicado deixar os jovens sob cuidados de pessoas idosas?
A Secretaria de Estado da Saúde orienta a não deixar crianças e jovens sob os cuidados de pessoas com mais de 60 anos, pois estes constituem grupo de risco em caso de contágio com o coronavírus.

As aulas serão suspensas por tempo indeterminado?
Sim. A partir de 23 de março, as atividades nas escolas estarão totalmente suspensas até que ocorra uma nova determinação, sempre baseada em orientações da Secretaria de Estado da Saúde.

Os estudantes ficarão sem nenhuma atividade enquanto as aulas estiverem suspensas?
No período em que as aulas estiverem suspensas, serão ofertadas atividades pedagógicas a distância, por meio de tecnologia, sobre as quais as Diretorias de Ensino e as unidades escolares receberão orientações.